Relógio1a - ArteEducarJun15

Seguindo em frente a 16 anos!
Ir para o conteúdo
Como Fazer > Protótipos

RELÓGIO ANALÓGICO I

Material

A relação fornecida abaixo está descrita em partes para facilitar a produção na quantidade que será necessária para o trabalho com os alunos.

Cuidados e Sugestões
Para que se obtenha bons resultados é necessário alguns cuidados e este quadro tem esta função, pois além dos cuidados com o produto também existe o cuidado com os alunos. Algumas receitas exigem o uso de fogo, produtos químicos, ferramentas elétricas, entre outras possibilidades, e elas poderão causar acidentes.

  • Papelão grosso.

  • Cola Branca.

  • Folha de sulfite branca.

  • Prego fino e cabeça larga, de aproximadamente 1,5 cm de comprimento.

  • Pequeno pedaço de cabo de vassoura ou outra maneira resistente. Medida altura 2,0 cm e espessura do cabo de vassoura, por volta de 2,0 cm.

  • Lápis de cor.

  • Martelo de sapateiro.

  • Três arruelas de metal ou três pedaços de plástico de garrafa Pet, no mesmo tamanho.

  • Tesoura grande.

  • Esta técnica não impõe restrições, poderão participar alunos da Pré-escola, do Ensino Fundamental e do Médio.

  • Usar sarrafos de madeira de boa qualidade é a melhor indicação, mas caso não seja possível poderá ser usado um pedaço pequeno de cabo de vassoura.

  • O modelo acima será melhor utilizado se os alunos ao produzirem o relógio não copiarem, mas sim criarem, inclusive a forma do fundo e dos ponteiros.

  • O modelo apresentado é apenas uma referência, o mais importante é o aluno ter desenvolvido uma boa pesquisa sobre este aparelho antes de produzi-lo.

  • O trabalho em grupo é mais aconselhável para esta proposta, pois da discussão os alunos poderão apresentar novas propostas e soluções. A problematização é a chave para a construção do conhecimento.

  • Nesta sugestão não colocamos no relógio o ponteiro de segundos, mas caso o professor ache interessante ou surja do aluno a questão, ele poderá ser colocado.

Como já foi descrito, nosso objetivo é a reflexão e um trabalho a partir de projeto, por este motivo este item, “Ato Pedagógico” irá descrever uma maneira de trabalhar com a receita disponibilizada a partir de um projeto.

Pré-produção (Antes)

1. O primeiro passo é disponibilizar material ou local para a pesquisa sobre este aparelho, desde sua forma até a história.
Outra pesquisa interessante e importante refere-se à produção comercial deste aparelho.
Como é feita a leitura das horas, minutos e segundos, no aparelho analógico.

Produção (Durante)

2. Nesta etapa, o professor deverá estar atento aos problemas encontrados pelos alunos e não apenas responder ou dar a solução, mas incentivar a busca por uma solução.
Esclarecer qual é a função do relógio analógico em discussões durante o processo de produção.
É interessante que o professor trabalhe neste projeto orientado pelo tempo para que o aluno se habitue com o espaço e limite de tempo.

Pós-Produção (Depois)

3. As exposições contendo os trabalhos produzidos são fundamentais e imprescindíveis, pois é neste momento que o aluno poderá, em contato com outros colegas, explicar aquilo que produziu e como o fez.
Os relógios produzidos poderão ser utilizados para identificar diferentes fusos horários, ou para servir de identificador do horário de entrada, intervalo, saída etc.

Com um calendário poderá também servir de uma agenda que identifique hora e data de um evento, atividade, excursão etc.

MODELO
Para baixar o modelo em PDF clicar aqui.
É permitido a impressão para uso escolar, mas não para o uso em outros sites ou portais, encartar, distribuir, comercializar, modificar, editar etc.

Tenha em mãos todos os materiais antes de iniciar o trabalho.

PROCESSO

1. Cortar o papelão na forma desejada para o relógio. Para gerar a forma é possível usar um compasso, um modelo, o fundo de uma lata etc. Colar sobre o papelão uma folha de sulfite no mesmo formato.

2. Fazer um furo, um pouco mais largo que o prego que fixará os ponteiros, no centro da forma obtida, exemplo de formas possíveis: circular, ovalada, elíptica, quadrada, pentagonal, hexagonal, entre tantas outras possíveis.

3. Cortar a madeira na medida informada.

4. Recortar os ponteiros, um maior e outro menor e se desejar pintar ou encapá-

5. Colocar a arruela sobre a base dos ponteiros, entre eles e fazer um furo no meio. No lugar da arruela poderá ser um pedaço de plástico de garrafa Pet, desde que tenha o mesmo tamanho.

6. Colocar a madeira em baixo do corpo do relógio, sob o furo central. Colocar em seguida a arruela de metal ou plástico sobre o corpo. Depois o ponteiro pequeno, mais uma arruela ou plástico, o ponteiro grande e a última arruela de metal ou plástico.

7. Com o martelo de sapateiro e muito cuidado para que a madeira não rachar, pregá-lo até que você perceba que os ponteiros estão firmes, mas ainda possam ser deslocados.

8. Agora é o momento de aprender as horas.

Voltar para o conteúdo