Leitura e Excursão01a - ArteEducarJun15

Seguindo em frente a 16 anos!
Ir para o conteúdo
Grupo de Leitura

GRUPO DE LEITURA

Leitura & Excursão II - NOVO
Por Vivaldo Armelin júnior - Mar./2016


 
• A leitura da escrita, como já foi descrito em outros textos, não deve ocorrer apenas na sala de aula, mas em outros espaços, dentro e fora da escola. Também não deve ser restrita à leitura da escrita, mas sim a mais completas das leituras, a leitura midiática.
 
• Em uma excursão pedagógica pode-se ler encartes e panfletos que contenham informações sobre o local visitado e caso contenham imagens fotográficas, mapas, também lê-los. Uma boa leitura destes impressos despertará no aluno a curiosidade e lhe proporcionará um maior senso de localização, principalmente se estiver visitando um museu, exposição, feira de livros etc.
 
• Um passeio de trem, puxados pelas marias-fumaça, é muito interessante por proporcionar e favorecer a leitura midiática, por exemplo sobre as informações sobre a(s) locomotiva(s), a estação, os trabalhadores e suas funções, a ciência do funcionamento das locomotivas a vapor, sem falar na possibilidade de um rico trabalho envolvendo a inter-relação de conteúdo e a interdisciplinaridade.
 
• No Brasil as locomotivas a vapor estão presentes em vários municípios com a finalidade turística e de preservação dos trens, é o que faz, por exemplo, a Associação Brasileira de Preservação Ferroviária, com várias unidades em diversos estados brasileiros. No Estado de São Paulo - Campinas/Jaguariúna, Paranapiacaba (Distrito de Santo André), Rio Claro e São Paulo; no estado de Minas Gerais - Passa Quatro, Porto Novo, São João Del Rei, São Lourenço e Soledade de Minas; Paraná – Curitiba; Rio de Janeiro – Rio de Janeiro; Rio Grande do Sul – Marcelino Ramos; e Santa Catarina - Apiúna, Piratuba e Rio Negrinho. Infelizmente os preços são um tanto elevados, mas tem promoção para escolas. O Município de Guararema, desde setembro de 2016 tem um percurso até o distrito de Luís Carlos, que foi totalmente restaurado se tornando um verdadeiro espaço cenográfico.
 
• Sabemos que o poder público nunca tem verba para esse tipo de atividade, as excursões pedagógicas, que é de grande interesse para a formação dos alunos, mas para desviar verbas, como as da merenda escolar no Estado de São Paulo, sempre tem.
 

• Boa excursão e leitura!




Leitura & Excursão I
Por Vivaldo Armelin júnior - Fev./2014

  • Durante uma excursão é possível fazer uma parada para leitura de um texto, poesia, conto, lenda, entre outras possibilidades, relacionadas à excursão pedagógica.

  • O grupo se reúne em um espaço aberto, em horário adequado, pode até sentar no chão, posicionados de maneira a possibilitar que todos se vejam.

  • Esse momento pode ser usado por um contador de história.

  • O importante é aproveitar a excursão, portanto a leitura deverá ocupar um pequeno espaço de tempo, no entanto essa ação favorecerá o interesse do aluno quando bem trabalhada.

  • O local poderá ser uma praça, um pátio, uma varanda, no interior de um museu, no local destinado à alimentação, sob uma árvore, galpão etc.

  • O grupo ouve a leitura e em seguida, faz uma pequena análise e discussão. É importante e muito interessante colher depoimentos de pessoas que vem na localidade ou trabalhem no espaço.

  • O tempo máximo para a leitura deve ser inferior a 10 (dez) minutos e a análise/discussão mais 10 (dez) minutos.

  • O melhor momento para a leitura é: 1. Durante um descanso ou espera (para a visita de um espaço, como, um museu). 2. Logo após o lanche ou almoço. 3. Durante o deslocamento a pé entre pontos a serem visitados. 4. Antes ou depois de uma visita.

  • Nunca fazê-la quando os alunos estiverem se alimentando, visitando um espaço, durante o trajeto ou deslocamento no interior do ônibus, no momento de descontração, brincadeira ou outra atividade.

  • É recomendado preparar o aluno para esta atividade, por exemplo: em uma excursão pedagógica de três dias, uma vez por dia ocorrer a leitura, a análise e a discussão. Sempre com tema ou assunto relacionado à excursão. Quando o aluno tem conhecimento da importância da atividade ele participará com maior interesse.


  • Um exemplo real: Em uma excursão pedagógica de um dia, sai bem cedo e retorna à noite, ao Município de Santana de Parnaíba. Na chegada, o grupo é reunido na praça principal do chamado Centro Histórico e é feita a leitura de um texto sobre as bandeiras, a fundadora da cidade Suzana Dias e sobre as telhas "feitas nas cochas". São informações e não descrições, sobre esse tema, que possibilitarão ou favorecerão o trabalho durante a visita ao Museu Casa Bandeirante, à Igreja Matriz Sant’Anna, ao casario colonial, até as margens do poluído Rio Tietê, a outros Museus.


Nota:
1. Tudo que foi descrito acima visa o trabalho no Grupo de Leitura, obviamente com ou sem o uso da tecnologia, em espaços variados e durante uma excursão.
2. Veja os sites do Portal ArteEducar - "Leitura Midiática" e "Sala de Leitura".

Voltar para o conteúdo