ArtEduc00 - ArteEducarJun15

Seguindo em frente a 16 anos!
Ir para o conteúdo

ArtEduc00

Arte-Educação

Por que Arte Educação e não Educação Artística? 02
Por: Vivaldo Armelin Júnior - 2014

• Não se trata de uma mudança de nomenclatura, pois Educação Artística remete a uma educação voltada para a formação apenas artística. Pode-se adotar também a nomenclatura Arte ou Artes.
Essa mudança se faz necessária porque Arte Educação é uma denominação mais ampla, como são as Linguagens Artísticas. Todas as Linguagens são a base para a formação humana e como já afirmamos sem as artes nada haveria neste mundo, pois até a escrita e os números são meros desenhos com significado convencionado. As letras aos sons e os números a valores. O ser humano só perpetuou seus conhecimentos, ideias, informações e descobertas por meio de desenhos, a escrita.
A importância da denominação Arte, Artes e Arte Educação, é preservar e valorizar essa amplitude de todas as Linguagens. Hoje em dia toda a tecnologia está condicionada à existência da imagem na tela de um monitor, televisor, cinema, gerada por um computador, filme, vídeo, fotografia etc. Entender a Arte Educação é entender o processo da evolução humana, ou seja, o próprio ser humano.
• Uma das grandes defensoras desta mudança foi a PHD Mariazinha Fusari (já falecida), da Pedagogia da USP, entre outros e outras. As Artes e suas Linguagens são a maneira mais eficiente da expressão humana e desde a Pré-história fazem parte da vida humana, mas é preciso entender que seu significado e interpretação acompanhou a evolução humana.

Por que Arte Educação e não Educação Artística? 01
Por: Vivaldo Armelin Júnior - 2006

• Quando da criação da disciplina Educação Artística pensava-se em apenas educar para um conhecimento muito pequeno sobre artes, de forma que o aluno aprendesse a respeitar e admirar todo tipo de arte. Mas, viu-se com o passar dos anos que esta denominação estava completamente errada e equivocada, mesmo porque sem Arte Educação não há a mínima possibilidade do aprendizado da escrita, que como já esclarecemos, todas as letras, números, símbolos matemáticos ou científicos, são gerados por desenhos, que seguem convenções, mas não passam de desenhos abstratos.
Por desinformação muitos professores tentam valorizar algumas disciplinas e isso conduz a um processo educacional falho e incompleto. Quando nos referimos à denominação Arte Educação, estamos ampliando os limites da Arte, das suas possibilidades, conquistas e profundidade. Ninguém faz Arte sem conhecer ou pesquisar o assunto de sua obra. Arte educação reflete um aprendizado apoiado na Arte e não apenas o aprendizado da Arte.
Esta denominação envolve todos os tipos de expressão, até mesmo os mais modernos, como os computadores e a Internet, sem desprezar a formação e o desenvolvimento motor, dos potenciais perceptivos, as capacidades, analítico e crítico.
Educação Artística conduz a disciplina, em primeira leitura, à educação para a Arte. Enquanto Arte Educação conduz ao processo de educação pela Arte. Em outras palavras, é necessário uma mudança de paradigma, comportamento e de atuação.
Lembre-se: A Arte é expressão e comunicação, e sem a expressão e a comunicação, o ser humano não teria chegado às conquistas atuais.
Escrita & Leitura 02
Por: Vivaldo Armelin Júnior - 2009
• A Arte-Educação é uma proposta que não é apenas para a disciplina de Arte, mas sim para a Alfabetização até o ensino superior. Não se trata de apenas educar levando-se em conta apenas a escrita e leitura, mas um processo mais amplo e completo, por essa razão, é importante destacar que foi e é a Arte a responsável pelo surgimento da escrita, pois cada letra é um desenho linear, gravado ou impresso, que ganhou um significado ao ser associado a um som.
• O ser humano, a todo momento, faz uso das artes para produzir, sejam pelos desenhos manuais, como os projetos, ou, hoje em dia, o digital. Desenhos que dão formas a planilhas, objetos de uso no escritório, veículos e até nos computadores. Diagramar é uma Arte, é, portanto, comunicar.
• Na Sala de Aula formar nossos alunos pela Arte-Educação favorece a construção do conhecimento e o desenvolvimento cognitivo, Arte é a maior forma de expressão humana, isso desde as cavernas. Todo aquele ou aquela que que tem oportunidade de aprender pela e com a Arte será em sua maioria mais expressivo, comunicador e interessando.
• Esse conceito vale para todas as áreas do conhecimento humano, pois sem as artes não haveriam objetos, primeiro fabricados à mão, depois em máquinas manuais e por fim, em processo industrial. Sem o desenho dos números e os símbolos não haveria a Matemática e Física. A Arte-Educação conduz a uma outra forma de ver o mundo, uma nova leitura, que não se restringe apenas à leitura da escrita. Construir o conhecimento é perpetuá-lo, para isso é preciso o registro, caso contrário, por via oral, por exemplo, seria impossível, pois ele seria perdido com o passar do tempo. As necessidades e acontecimentos fazem com que muitas descobertas fiquem esquecidas quando transmitidas oralmente, seja por ação da natureza, pela morte do criador ou o desaparecimento da comunidade que tenha desenvolvido algum tipo de conhecimento.
• Arte-Educar é levar em conta que a o conhecimento só se perpetua se houver alguma forma de registro. Nos nossos dias essas opções são diversas, não apenas pela escrita, mas pelo vídeo, arquivo digital, áudio... Todas essas tecnologias dependem das Artes, o que é mais importante para a educação, as artes além de serem uma forma de expressão humana, são a essência do saber, pois em todo processo criativo a imaginação se torna real ao se construir algo, em qualquer área, por exemplo, caso se imagine uma nova panela aquele ou aquela que está criando terá que fazer um desenho ou molde desta, seja manualmente ou mecanicamente ou até em uma impressora 3D.
• Os governantes sabem disso, só que se elevarem a capacidade de pensar e criar da população será um problema para eles, pois não mais haverá dominação.
• Bom estudo e reflexão!

Escrita & Leitura 01
Por: Vivaldo Armelin Júnior - 2009

• Texto extraído da publicação "Arte Educação", escrito pelo autor desta Portal. Este texto é voltado a todo Educador, não importando a disciplina que leciona.
É muito pobre pensar em Arte como uma forma de treinamento motor ou de desenvolvimento da sensibilidade. A amplitude da Arte-educação é muito maior, envolve conceitos, conhecimento, informação e muita pesquisa. Também é necessário saber abstrair, analisar, questionar, criticar e decidir, (estes três últimos  fatores incomodam muitos políticos inescrupulosos e corruptos, pois não querem o desenvolvimento da população), para que se possa criar, projetar e construir. Tudo isso associado ao desenvolvimento dos potenciais perceptivos e das capacidades. Quando se quer desenvolver cognitivamente um educando, é também necessário desenvolver seus potenciais e capacidades.
O ser humano difere dos outros animais por ter a possibilidade de interagir e integrar os seus potenciais perceptivos (os sentidos são comuns a todos animais) com as suas capacidades e habilidades.
Para que todos esses fatores sejam desenvolvidos, é necessário que o aluno produza seu trabalho, a partir das propostas do Professor, obedecendo às características do seu meio, da sua realidade social, econômica e cultural.
Não haverá desenvolvimento quando se usam desenhos mimeografados, fotocopiados, impressos em computador e, no qual, o aluno, tenha apenas que ligar pontos, colorir ou sobrepor linhas, caso de muitos livros didáticos.
Esta “técnica” é muito usada por Professores Alfabetizadores (polivalentes) e por alguns Professores de Educação Artística, na maioria das vezes por uma formação errônea e desatualizada, mas infelizmente muitos a usam para ocupar o tempo do aluno e mantê-lo em silêncio.
Os resultados desse trabalho são tão ínfimos e que não conduzem o educando a uma evolução perceptiva ou de suas capacidades, muito menos a construção do conhecimento e a conquista do saber.
Os meios de comunicação podem e devem ser parte da formação do aluno, por exemplo: a reprodução de seus trabalhos. Para reproduzi-los pode-se utilizar de maneira correta o mimeógrafo a álcool ou a tinta, a fotocópia, ser escaneado. O  trabalho com essas mídias , desde que de forma adequada, será importantíssimo no processo educacional e evolutivo do aluno.
NOTA: Vale lembrar que os Meios de Comunicação não são um mero “recurso didático”, são sim, parte do processo educacional. Um “recurso didático” apenas completa o aprendizado, por isso, os Meios de Comunicação não são um mero “recurso”. São na realidade uma linguagem e como tal, permitem a leitura, por tanto, permitem a analisar, questionar, comparar, analisar, criticar e concluir.
A Arte Educação está totalmente ligada ao processo de Alfabetização (sobre este assunto tenho outro texto "A Arte e a Alfabetização"), pois envolve o desenvolvimento perceptivo, analítico, crítico e das capacidades.



Arte & Criação 03
Por: Vivaldo Armelin Júnior

Mar./2016
• Ao contrário do que se pensa, ou melhor, daquilo que nossos governantes não desejam é a formação completa de um cidadão, pois este é consciente e crítico, motivo que as aulas de Arte se restringem a duas ou até uma dependendo a série/ano.
• Sem a expressão artística inerente à evolução do ser humano não teria acontecido, porque de desenhos é que surgiu o desenho de cada uma das letras e que por convenção ganharam um significado associado a um determinado som.
• Durante o processo educacional essa condição desaparece e o aluno é conduzido para não pensar.
• As Artes, como linguagem, qualquer uma delas (Plásticas, Cênicas, Fotográficas, Cinematográficas, Multimídia etc.), proporcionam e favorecem a criação, outra condição que nada agrada aos nossos governantes, por quê? Quando o aluno passa a criar, seja para compor uma imagem, como, desenho ou escultura, ele terá obrigatoriamente que fazer uma análise, refletir e concluir, a partir daí criar de acordo com o tema proposto e enquanto se cria haverá a construção do conhecimento e o desenvolvimento cognitivo.
• Em qualquer etapa da educação a criação é e deve ser parte do processo, mas é nas etapas iniciais que seu papel será fundamental para a formação de um cidadão.
• Criar, mesmo quando se observa um modelo qualquer, não é apenas recriar ou fazer uma releitura, mas sim compor criticamente, com significância e coerência, pois favorecerá uma leitura mais completa.
• Quando se faz um trabalho artístico, por exemplo, um desenho, é importantíssimo e imprescindível que este tenha um objetivo, foi alvo de pesquisa e não apenas a retratação de um modelo.
• Graças a Deus diminuiu muito o uso de folhas mimeografadas em sala de aula que tinham como finalidade apenas a de pintar, ou seja, não havia nem mesmo treino motor, pois as imagens escolhidas nem mesmo o(a) professor(a) sabiam reproduzi-la.
• Quando o aluno cria está fazendo uma leitura diferenciada não apenas do modelo, mas também do mundo. Essa leitura não será apenas o da escrita, mas sim a midiática.
• A criação proveniente de pesquisa e estudo, se necessário com até algumas experimentações presenciais ou não, é um fator facilitador para a construção do conhecimento, o desenvolvimento cognitivo e principalmente a consciência.

• Bom trabalho!

Arte & Criação 02
Por: Vivaldo Armelin Júnior - Fev./2014

• No processo de alfabetização e formação escolar a arte e a criação é fundamental para a construção do conhecimento.
• Nada neste mundo está livre do processo de criação artística e tudo que é criado pelo ser humano envolverá desenho, modelação, pintura, decoração...
• A criação de uma panela, por exemplo, envolveu todo o desenho, a criação de um modelo, o estudo para o acabamento, a estamparia etc.
• Na sala de aula infelizmente as artes acabam perdendo a importância que lhe é devida, pois não haveria nada neste mundo se o ser humano não tivesse desenvolvido a escrita. Vale lembrar que cada letra é um desenho, uma representação gráfica, que por convenção ganhou um significado associado a um som.
• O professor de qualquer disciplina poderia aproveitar-se de todas as possibilidades proporcionadas pelas artes, por exemplo, em Ciências, o desenho dos tubos usados em experiências atende às necessidades de cada experimentação. A forma de cada um desses tubos originou-se de um desenho e modelação. A cerâmica foi muito utilizada por laboratórios e para confeccionar cada uma das peças foi necessário a modelação.
• Um mapa, por exemplo, é um desenho descritivo de uma região, esquematizado e convencionado. Esse descreve o relevo, a hidrografia, áreas cobertas por vegetação, áreas de produção agrária, pecuária, indicação de estradas, rodovias, ruas de um vilarejo, cidade, localização de cidades etc.
• O que pretendemos destacar é que a arte-educação está presente em todas as áreas do conhecimento escolar. Na realidade é muito mais amplo, pois as artes estão presentes em todos as atividades humanas.
• Por essa razão que é importantíssimo a inter-relação e a interdisciplinaridade no processo de construção do conhecimento e desenvolvimento cognitivo.

Arte & Criação 01
Por: Vivaldo Armelin Júnior - 2006

•A Arte não é apenas uma maneira de se expressar, quando se entende que expressar é apenas passar para o suporte a sensibilidade criativa de seu autor, ou seja, o ato de representar.
• É preciso entender que o ato de expressar vai além, passa pelo ato da comunicação, por uma leitura de mundo, vivencial, social, econômico, político, do desenvolvimento (econômico, tecnológico, científico...) e cultural.
• Expressão fundamentalmente é criar, construir conhecimentos práticos e teóricos.
• A criação artística na sala de aula não pode se restringir, como acontece, ao desenvolvimento das sensibilidades. É preciso lembrar que não há que o homem conseguiu o desenvolvimento através das artes.


Arte-Educação 00
Por: Vivaldo Armelin Jr.

• A Arte-Educação é uma disciplina muitas vezes desprezada e pouco considerada. Na realidade é tão importante quanto qualquer outra e é fundamental na formação do ser humano.
Todo o modo de vida do ser humano está baseado nas artes, mas poucas pessoas tem consciência dessa situação. Já destacamos no site Arte-Alfabetização a importância dessa disciplina escolar para o dia a dia do ser humano, seja no trabalho, na vida doméstica, na formação acadêmica (em qualquer nível), no lazer, na tecnologia etc.
O professor Arte-educador tem um papel importantíssimo na formação do ser humano, não sendo um mero organizador de festas e atividades comemorativas da escola. Ele tem que ter certeza de que a formação de um aluno é toda baseada nas Artes, a começar pela escrita das letras e palavras, que são formas lineares abstratas convencionadas para representar o som vocal.
Construir o conhecimento passa pela Arte-Educação, não como uma disciplina auxiliar, mas sim como uma parte do processo de aquisição do conhecimento e conquista do saber.
As linguagens artísticas estão intensamente inseridas na vida do ser humano e o mais importante, são parte da vida das pessoas.
Como já foi destacado, as expressões artísticas estão presentes no dia a dia do ser humano, são parte da vida. Na construção civil, arquitetura e engenharia, nos escritórios burocráticos ou de serviços, na indústria e nos seus produtos, no comércio, na Internet etc.
O exemplo da casa, acima do lado direito nos mostra quanto vivemos e dependemos das artes e seus aspectos funcionais e estéticos.
A tecnologia também é dependente das artes, seja na fotografia, televisão e multimídia. Na imagem cima, é possível observar um texto artístico, esse por sua vez, poderá ser composição de uma apresentação, cartaz, filme, letreiro, outdoor...
Outro indicador são os veículos, suas formas,   cores, aerodinâmica, design... São tantas as possibilidades de design de um automóvel, sempre visto como avanço tecnológico, mas raramente como uma obra de arte.
Isso acontece com a construção civil, culinária, mecânica, na construção de uma barragem de uma hidroelétrica.
As pessoas, se esquecem que foi preciso um desenho, parte do projeto, seja ele manual ou virtual, feito por um engenheiro ou designer, por um arquiteto ou um pedreiro, pela dona de casa quando faz seu prato preferido ou um mestre cuca de um grande restaurante. No entanto, a escola pouco faz e valoriza esse conteúdo e despreza a Arte-Educação.
Por que Arte-Educação e não Educação Artística? Discute a definição do nome da disciplina que é de certa forma ultrapassado e que conduz a uma limitação no seu sentido e aplicação.
Arte-Educação: Trata-se de uma análise envolvendo as possibilidades do trabalho da Arte na Educação e sua integração com as outras disciplinas escolares. Arte & Criação: O ato de criar é um processo que deve ser a determinante para a construção do saber e do conhecimento.
Criar é produzir, também se expressar, conhecer e principalmente aprender.

Voltar para o conteúdo